Make your own free website on Tripod.com

Eurofãs da Selecção

  Birmingham, 7 de setembro 2002 - 16:00 horas

1 Inglaterra - PORTUGAL 1

Uma vergonha - Um escândalo: graças à organização que gere os direitos televisivos dos jogos da Selecção, só uma minoria dos Portugueses assistiu ao jogo em directo e porque foi ao estádio. Como é que se pode negar ao povo Português um dos poucos momentos em que nos sentimos tão iguais, ou ainda melhores de que os outros? Os responsáveis deste acto de vandalismo ao sentimento Lusitano têm de ser punidos... (só me consigo lembrar do dia em que anunciei o destino de vale & azevedo dois anos antes deste se ter cumprido)... 

...foi uma excelente partida de futebol aquela a que assistimos no Villa Park (estádio do Aston Villa) em Birmingham. A chefia técnica da nossa Selecção foi interinamente de Agostinho Oliveira  (ver CV) que é um treinador com sucesso nas camadas jovens do futebol português. A sua graça não é seu apelido mas tanto mais as interessantes propostas que apresentou em cada tempo do jogo. Estou convencido que um projecto mais sério passará por combinar inteligentemente o melhor das duas equipas Portuguesas apresentadas: a dos mais consagrados da primeira parte (já com o Simão); com o que de bom se viu nas jovens estrelas do segundo tempo.

Foi bom:

Convocados para o Inglaterra - PORTUGAL: Rui Costa, Jorge Silva, Ricardo, Pauleta, Capucho, Nuno Valente, Paulo Ferreira, Baía, Boa Morte, Sérgio Conceição, Fernando Couto, Vidigal, Hugo Viana, Figo, João Manuel Pinto (substitui Jorge Andrade lesionado), Nuno Gomes, Petit, Simão Sabrosa, Beto, Rui Jorge e Fernando Meira.

fotos

Zé Manel Alves-Pereira

Voltar